#Partiu feira.

E nessa onda de notícias bombásticas.
Passei a semana com um dilema .
Fazer  comida ou compra-la.
Nesses tempos corridos.
Onde te oferecem lasanhas e outros quitutes congelados.
Há um freezer do seu alcance.
Mas ai começa a piscar aquela luzinha vermelha.
Carne X papelão.
É chegada a hora de parar.
Pensar.
Muita calma nessa hora.
Que a alimentação é muito importante.
Está ligada diretamente a saúde.
Sem saúde nada feito.
Resolvi mudar.
Aliás meu filho mais novo já está nessa onda.
Dá alimentação mais natural e menos processada.
Estou vendo notoriamente a diferença.
Seu cabelo,pele e enfim seu manequim dois números menos.
Conversando com um amigo.
Falamos até em plantar.
Vou começar com alguns temperos.
Escutei a Rita lobo dando uma aula de como fazer uma comida de verdade.
Só precisa se organizar,não é difícil.
Comprar diretamente nas feiras ,no produtor.
Imediatamente veio a lembrança da feira com minha mãe .
Era uma festa,de cores e sabores.
Porque sempre ganhava provinhas.
Lembrei que minhas sobremesas eram sempre frutas frescas.
Tinha até aqueles carrinhos de feira em miniatura.
Resolvido então.
Vou me organizar,menos comidas prontas.
Projeto cozinhar.
Que para mim que amo é um privilégio.
Verdadeira alquimia.
Misturas de temperos.
Acho que tem uma bruxa morando em mim.





Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Craft room

Você toma alguma coisa para ser feliz? Sim decisões...

Whatsapp