Medos...


 Sabe, ultimamente não tenho medo de quase nada.
 Só da morte.
  Mas tem duas coisas que realmente tenho medo.
Da acomodação.
Nos paralisa.
Onde até  as coisas ruins se tornam boas.
Quer dizer se tornam boas não.
Nós é que nos acomodamos.
 Na tal zona de conforto
 Que de conforto não tem nada,Nos tornamos dependentes de tantas coisas.
 E essa dependência é uma droga.
 Para nos libertar de tantos costumes temos que reaprender a viver.
 É um caminho árduo.  
 Desapegar é uma tarefa de persistência.
 Sempre um dia de cada vez.
 Fazer aquele dia valer.
Não alimentando antigos costumes.
Fazendo coisas diferentes e que te façam bem.
Segunda coisa da qual tenho medo são as  pessoas
Sim pessoas elas são estranhas.
Sempre tão cheias de opiniões.
Certo ou errado.
De repente o que é certo para mim pode não ser para você ou vice e versa.
Fora que nunca sabemos o que passa no coração delas
Podemos conviver anos com as mesmas pessoas e nem  mesmo conhece-las direito.
" lobo em pele de cordeiro"
 Fora aquelas bipolares até mesmo tripolares.
 E aquelas com trocentas personalidades.
 Que aprontam todas mas faz a linha certinha.
 E ainda se acha no direito de julgar as outras.
 Tem também aquelas que usam as outras em benefício próprio.
 Para um favorzinho e depois descarta.
 "E assim caminha a humanidade com passos de formiga e sem vontade"
 Por isso amo bichos.
 E desconfio de quem não gosta.
 Porque eles são verdadeiros.
 Gosta ou não gosta.
 Prefiro ser maluca do que falsa.
 Não vou ficar puxando saco de ninguém.
 Nem ser o que não sou.Coisas de Clarinha...
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Craft room

Você toma alguma coisa para ser feliz? Sim decisões...

Whatsapp